InícioNOTÍCIAS2º Círculo da Palavra debateu os papéis da fotografia e do repórter...

2º Círculo da Palavra debateu os papéis da fotografia e do repórter fotográfico

O 2º Círculo da Palavra, realizado na terça-feira à noite, 23, no mini-auditório da FECESC, em Florianópolis, reuniu cerca de 20 trabalhadores que se propuseram a discutir a atuação do repórter fotográfico e o discurso jornalístico na fotografia. O debate se deu em torno de temas como as relações de trabalho nas redações, o impacto das novas tecnologias no dia-a-dia da cobertura noticiosa, a ética em relação ao fato e aos entrevistados e a prática da multifunção, em que um mesmo trabalhador ganha apenas um salário e desempenha várias funções dentro do veículo de comunicação.

Esta segunda edição do Círculo da Palavra foi aberta por Ricardo Duarte, repórter fotográfico do jornal Diário Catarinense, Marcelo Bittencourt, repórter fotográfico do jornal Notícias do Dia, e Cláudio Silva da Silva, o Sarará, repórter fotográfico freelancer. Em seguida, o debate com os participantes se estendeu até às 21 horas.

A avaliação da atividade foi bastante positiva até porque, no corre-corre das redações, é cada vez mais difícil refletir sobre o nosso fazer e, neste caso, sobre a importância da fotografia no jornalismo. No final da conversa, cada profissional buscou dar resposta ao seguinte questionamento: o que será da fotografia daqui para diante?

Ficou curioso? Pois o Sindicato fará a publicação, em formato de livreto, do conteúdo do 2◦ Círculo da Palavra. Será o primeiro volume dos “Cadernos de Jornalismo” do SJSC. O livreto também irá incluir o resultado do debate feito em Joinville, com o mesmo tema, no dia 17, na Associação Educacional Luterana Bom Jesus/Ielusc, que também contou com a presença de vários profissionais. Nada melhor do que ver, no mês em que o STF golpeou a nossa profissão, os trabalhadores reunidos para discutir o seu trabalho e se organizar para as lutas que virão.

Ao final do debate, os repórteres fotográficos aprovaram uma Moção de Repúdio contra o estado de abandono do acervo fotográfico do jornal O Estado (confira abaixo).

MOÇÃO DE REPÚDIO

Os repórteres fotográficos reunidos no 2º Círculo da Palavra, realizado no dia 23 de junho de 2009 na FECESC, em Florianópolis, repudiam a falta de responsabilidade em relação em acervo fotográfico do jornal O Estado, que se encontra em estado de abandono. O descaso, tornado público no dia 19 de junho, avilta a preservação da memória dos fatos e da gente catarinenses. A depredação do acervo também expõe o descaso com que é tratado o trabalho de repórteres fotográficos concretizado nas milhares de fotografias que estão agora sob o risco de virar lixo. A recomendação é que o Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina busque providências para evitar que se perca esse valioso material fotográfico, incluindo a possibilidade de, se necessário, tornar-se fiel depositário daquele acervo.

Florianópolis, 23 de junho de 2009.

Foto: Josemar Sehnem

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios