sexta-feira, dezembro 9, 2022
InícioNOTÍCIASVereadores de Concórdia aprovam moção de apoio aos jornalistas por formação

Vereadores de Concórdia aprovam moção de apoio aos jornalistas por formação

A Câmara Municipal de Concórdia aprovou na sessão ordinária do dia 06 de julho moção de apoio e solidariedade aos jornalistas por formação. A iniciativa do presidente da Casa, Alaor Camillo (PT), contou com apoio dos demais vereadores. Segundo o petista, a decisão do STF de derrubada do diploma abre a possibilidade para que qualquer pessoa possa atuar nos veículos de comunicação, mesmo sem ter formação acadêmica na área, sendo “uma situação no mínimo incômoda à classe”.

O presidente do SJSC, Rubens Lunge, participou da sessão juntamente com o diretor Luis Prates e o delegado regional Francisco Ribeiro. O dirigente, que é natural de Concórdia, destacou a iniciativa do legislativo local, de apoio à luta dos jornalistas e em defesa do diploma e da profissão. Profissionais formados na região e acadêmicos da UnC Concórdia também acompanharam a sessão. O documento será encaminhado para os presidentes da Câmara Federal e do Senado e ao presidente da República

O vereador Rogério Pacheco (PSDB) acrescentou que a ação do Supremo pode desencadear e ser precedente para a extinção do diploma em outras categorias; “o que seria um retrocesso à formação profissional brasileira”. Ele propôs na sessão que a moção seja encaminhada para as outras Câmaras pertencentes aos 15 municípios da AMAUC (Associação dos Municípios do Alto Uruguai Catarinense) – Alto Bela Vista, Arabutã, Arvoredo, Ipira, Ipumirim, Irani, Ita, Jaborá, Lindóia do Sul, Paial, Peritiba, Piratuba, Presidente Castello Branco, Seara e Xavantina. O objetivo é que os poderes dessas cidades também aprovem moção com igual teor.

O vereador Closmar Zagonel (PMDB) informou ao presidente do SJSC que já conversou com os senadores Neuto de Conto (PMDB-SC) e Raimundo Colombo (PFL-SC) sobre o apoio deles à Proposta de Emenda à Constituição Federal (PEC) para tornar obrigatória a exigência do diploma de nível superior para o exercício da profissão de jornalista. O projeto é de autoria do senador Antônio Carlos Valadares (PSB-SE) e já conseguiu o número de assinaturas necessárias para sua tramitação. A senadora Ideli Salvatti (PT-SC), que esteve recentemente em Concórdia, afirmou na ocasião que também apóia a proposição.

A composição atual da Câmara de Concórdia é a seguinte:

Alaor Antônio Camillo (PT), Antônio Colussi (PT), Arlan Guliani (PT), Closmar Zagonel (PMDB), Dejalma Santo Lazzarotti (PT – suplente), Dirceu Biondo (PMDB), Edio Wulff (PP), Evandro Pegoraro (PT), Gilberto Antônio Romani (PT), Leocir Domingo Zanella (PPS), Mauri Maran (PT), Rogério Luciano Pacheco (PSDB).

(com informações e foto de Magali G. Rodrigues – assessoria da Presidência, jornalista, reg. Prof. SC-02367-JP).

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios