segunda-feira, novembro 28, 2022
Google search engine
InícioNOTÍCIASCinegrafista da Reuters está preso há um ano pelo Exército dos EUA

Cinegrafista da Reuters está preso há um ano pelo Exército dos EUA

O jornalista iraquiano Ibrahim Jassam, que trabalhava como fotógrafo e cinegrafista para a Reuters, está preso há um ano pelas forças militares dos Estados Unidos no Iraque. “Após um ano procurando obter informações específicas, ouvimos apenas acusações vagas e indefinidas. Para mim, isso é inaceitável,” disse David Schlesinger, editor chefe da Reuters.

Jassam foi detido por soldados americanos e iraquianos no dia 02/09/2008. Em novembro, a Corte Criminal Central do Iraque decidiu que não existem acusações contra o jornalista, mas ele continua detido em uma prisão construída no deserto, na divisa com o Kuwait. “É apenas correto e justo que qualquer acusação específica contra um jornalista seja divulgada publicamente e tratada de maneira justa e rápida, com o jornalista tendo o direito de se defender de modo apropriado”, complementa Schlesinger.

As acusações contra Jassam não são divulgadas. Segundo a tenente-coronel Pat Johnson, porta-voz das forças americanas no Iraque, o jornalista teria relações com “atividades insurgentes”. “Embora apreciemos a decisão da Corte Criminal Central do Iraque no caso de Ibrahim Jassam, a decisão dela não invalida as informações de inteligência que atualmente o apontam como ameaça à segurança e estabilidade iraquianas”, afirmou.

Fontes: Comunique-se e Reuters.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios