InícioNOTÍCIASRBS é convocada a depor na CPI do Carf

RBS é convocada a depor na CPI do Carf

imagem_materia
Membros da CPI, durante aprovação do requerimento

O presidente da diretoria executiva do Grupo RBS, Eduardo Sirotsky Melzer, será convocado para depor na CPI do Carf, comissão instalada no Senado para investigar esquema de venda de sentenças no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf). A convocatória foi aprovada no último dia 23 de junho, e inclui ainda executivos de outras grandes empresas investigadas pela Polícia Federal, como as montadoras Mitsubishi, Ford, Banco Santander, e ainda, o presidente Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan.

Tudo começou com uma operação da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, que passaram a investigar o conselho. As empresas citadas teriam pago propina para manipular resultados de julgamentos internos do Ministério da Fazenda, com objetivo de aniquilar ou diminuir o pagamento de impostos. A investigação já comprovou prejuízos de R$ 6 bilhões aos cofres públicos, mas cujo valor pode chegar até R$ 19 bilhões.

image14
Eduardo Sirotsky Melzer, presidente do Grupo RBS.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, a RBS, uma das envolvidas, teria pago R$ 15 milhões em propina para que um débito fiscal de R$ 150 milhões desaparecesse.

Outros Pedidos

Além dos pedidos de convocação, a CPI aprovou requerimento para ter acesso à declaração de imposto de renda dos últimos cinco anos do ex-conselheiro do Carf Leonardo Manzan. O colegiado também vai requerer à Coordenação-Geral de Pesquisa e Investigação (Copei) cópia digitalizada de qualquer processo informando aquele órgão a respeito de suspeitas de manipulação de julgamentos do Carf.

— Será de extrema valia para os trabalhos desta CPI obter cópia desse documento e de qualquer procedimento que tenha sido instaurado em função dele – justificou o presidente da comissão, senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO).A relatora da CPI, senador Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), e os demais senadores que compõe o colegiado apoiaram os pedidos.

Com informações da EBC, Agência Senado e o Estado de S. Paulo

 

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios