InícioSOCIEDADEJuíza condena Bolsonaro por ofensas contra deputada Maria do Rosário

Juíza condena Bolsonaro por ofensas contra deputada Maria do Rosário

O deputado deverá pagar indenização de R$ 10 mil à petista por danos morais. Em 2014, ele disse, em plenário, que só não estupraria a deputada porque ela ‘não merecia’

A 18ª Vara Cível de Brasília condenou o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) a indenizar em R$ 10 mil a colega de tribuna Maria do Rosário (PT-RS) por danos morais. O processo corria após o fluminense ter dito à deputada que não a estupraria porque ela “não merece”. Como a condenação foi dada em primeira instância, pela juíza Tatiana Dias da Silva, Bolsonaro ainda pode recorrer da decisão. A informação é da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

A declaração do deputado foi feita em dezembro de 2014, em plenário. Para aumentar ainda mais a polêmica, no dia seguinte, Bolsonaro disse ao jornal Zero Hora: “Ela não merece porque ela é muito ruim, porque ela é muito feia. Não faz meu gênero. Jamais a estupraria”, o que gerou pedidos de cassação de seu mandato.

Segundo a coluna, ao defender-se judicialmente, o deputado mencionou a imunidade parlamentar e que não causou “danos indenizáveis”. Por ter foro privilegiado, tramita contra ele no Supremo Tribunal Federal inquérito sobre o mesmo fato.

Na suprema corte, ele responde por apologia ao crime, tendo em vista que as declarações dirigidas à deputada petista foram consideradas pelo Ministério Público Federal uma incitação à prática de estupro.

 

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios