terça-feira, dezembro 6, 2022
InícioNOTÍCIASAssociação de Imprensa da Serra Catarinense (Assisc) homenageia o jornalista Paulo Ramos...

Associação de Imprensa da Serra Catarinense (Assisc) homenageia o jornalista Paulo Ramos Derengoski

A Associação de Imprensa da Serra Catarinense (Assisc) inicia a sua história com o justo reconhecimento a quem se destaca pelo trabalho e engrandece a classe. Por unanimidade, a comissão provisória indicou para o cargo de presidente de honra o nome do jornalista Paulo Ramos Derengoski, de 65 anos, referência na imprensa brasileira, com atuação em grandes veículos de comunicação do país e autor de livros premiados.

A homenagem ocorrerá durante a solenidade de posse da primeira diretoria da entidade, na próxima sexta-feira, dia 10 de julho, às 19h, no auditório do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), em Lages. O convite a Derengoski foi feito pessoalmente pelo presidente da Assisc, o empresário, blogueiro e comentarista Paulo Chagas; e pelo vice-presidente, o também empresário Rainwald Müller.

“Sinto-me excessivamente honrado com a lembrança do meu nome e com a homenagem ainda em vida, pois com o tempo ficamos um tanto isolados. Além disso, tem um monte de gente mais atuante que eu. Aceito o convite, espero que a associação tenha êxito e me coloco à disposição para colaborar”, disse Derengoski.

Para o presidente da Assisc, Paulo Chagas, a indicação de Derengoski ao cargo de presidente de honra da entidade engrandece não apenas a imprensa serrana, mas de todo o Estado, dadas as experiências e o currículo do homenageado.

“O Derengoski merece toda essa homenagem, e sendo ele o presidente de honra da Assisc, a nossa classe estará muito bem representada”.
Já o vice-presidente Rainwald Müller, que trabalhou com Derengoski, destaca a reconhecida importância do homenageado para a imprensa brasileira.

“Paulo Ramos Derengoski é uma personalidade muito conhecida. Eu tive a oportunidade de trabalhar com ele. Fui um mero servo dessa grande pessoa que é um jornalista conhecido no mundo inteiro. Então é um motivo de muita alegria e orgulho tê-lo como presidente de honra da Assisc”.

Quem é o homenageado

Paulo Ramos Derengoski nasceu em Lages, na Serra Catarinense, em 6 de março de 1950. É filho de Maria de Lourdes Ramos Derengoski e do engenheiro militar Bertoldo Paulo Derengoski, um dos construtores da atual BR-116 enquanto major do 2º Batalhão Rodoviário do Exército Brasileiro. É casado com Siomara Ribeiro Derengoski e pai do advogado Paulo Henrique Ribeiro Derengoski.

Estudou no Ginásio Diocesano de Lages, Pontifícia Universidade Católica (PUC), Instituto Superior de Estudos Brasileiro e na Faculdade Nacional de Filosofia do Rio de Janeiro. Também obteve bolsa de estudos em Paris, na França.

É jornalista profissional registrado no Ministério do Trabalho há 46 anos, desde 1969. Começou a trabalhar no jornal Diário de Notícias, do Rio de Janeiro. Depois foi repórter da Última Hora, subeditor e subsecretário de redação da Folha de São Paulo, redator da revista Manchete e colunista do Diário Catarinense, entre outras experiências de grande porte. Atualmente tem colunas em diversas publicações e apresenta o programa Atualidades, na Nova Era TV, de Lages.

Paulo Ramos Derengoski é membro da União Brasileira de Escritores e detentor da Medalha da Ordem do Rio Branco, concedida pelo Itamaraty; e da Medalha da Vitória, oferecida pelo Ministério da Defesa.

Seus últimos livros lançados foram “O desmoronamento do mundo jagunço”; “Meio ambiente: defender a natureza sem ser ecochato”; “A saga dos guaranis”; “Rebeldes do Contestado”; “Viagens de um repórter”; “Grandes pintores”; “Garibaldi e Anita: os amantes da liberdade em dois mundos de guerra”; “Pracinhas e aliados” e “A sangrenta Guerra do Contestado”.
Paulo Derengoski domina os idiomas inglês, francês e espanhol. É sócio da Associação Catarinense de Imprensa, do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina e da Associação Brasileira de Imprensa, sendo portador da Carteira Internacional de Imprensa.

Derengoski ainda é membro do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina, com trabalhos publicados em suas edições, e representa os estados de Santa Catarina e Paraná no Conselho Curador da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), instituição criada em 2007 para fortalecer o sistema público de comunicação e que é gestora dos canais TV Brasil, TV Brasil Internacional, Agência Brasil, Radioagência Nacional e do Sistema Público de Rádio, composto por oito emissoras.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios