sábado, novembro 26, 2022
Google search engine
InícioNOTÍCIASTransporte coletivo e manifestações são tema de documentário

Transporte coletivo e manifestações são tema de documentário

Parece ficção, mas é documentário e tem tudo para quem gosta de uma boa história: tema polêmico, suspense, violência e doses de humor. Será lançado no dia 16 de setembro, às 19h30min, no auditório da Reitoria da UFSC, o documentário Impasse, sobre as manifestações dos estudantes contra o aumento da tarifa do transporte coletivo em Florianópolis.

Além de cenas que não foram exibidas em nenhuma tevê, incluindo flagrantes de violência durante os atos públicos ocorridos em maio e junho deste ano, o documentário revela o que pensam usuários, trabalhadores, especialistas e empresários do transporte. Expõe as contradições e as diferenças de posição dos estudantes e dos representantes dos governos municipal e estadual.

Impasse discute ainda questões que se entrelaçam e se completam: Por que a cidade se tornou um símbolo na luta pelo transporte público? O que aconteceu durante a ação da Polícia Militar na Universidade do Estado de Santa Catarina, no dia 31 de maio de 2010? Quais são os limites e os direitos dos movimentos sociais na democracia? Quais são os prós e os contras do atual modelo de transporte? Por que a mobilidade urbana é um dos grandes temas do século XXI? Existe, afinal de contas, saída para este impasse?

Mais de 30 pessoas foram entrevistadas para responder essas questões. E é exatamente a partir dessas declarações que o documentário se torna polêmico e impactante – desde as afirmações dos usuários, passando por estudantes, empresários e policiais, até as afirmações do Promotor do Ministério Público e do Secretário de Segurança Pública e Defesa do Cidadão. Muitas opiniões, impopulares e polêmicas, quase nunca são ditas publicamente.

O documentário, de 80 minutos, realizado pela produtora Doc Dois, é dirigido por Juliana Kroeger e Fernando Evangelista, jornalistas catarinenses com experiências em coberturas de conflitos no Oriente Médio, na África e na Europa. Participaram da equipe de produção estudantes da UFSC, UDESC, Unisul e da Faculdade Estácio de Sá. “É uma produção grande, feita em tempo recorde, graças a uma equipe aguerrida e competente. Sem essa equipe, não teríamos conseguido terminar o documentário e não teríamos tido o resultado que tivemos”, analisa a diretora Juliana Kroeger.

Impasse foi produzido sem leis de incentivo à cultura, com recursos da própria Doc Dois, e recebeu apoio de quinze entidades para a pós-produção e finalização. Com isso, DVDs do documentário serão distribuídos gratuitamente para 100 escolas da Grande Florianópolis e 60 Universidades de todo o Brasil. As entidades parceiras são a Secretaria de Cultura e Arte da UFSC (Secarte), Associação dos Docentes da Faculdade de Educação da UDESC, Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da UFSC (Prae), Centro de Filosofia e Ciências Humanas da UFSC (CFH), Sindicato dos Bancários de Florianópolis e Região, Sindicato dos Eletricitários de Florianópolis e Região (Sinergia), Sindicato dos Professores das Universidades Federais de SC (Apufsc-Sindical), Centros Acadêmicos de História e de Letras da UFSC, DCE da UFSC, empresa Humanum Design e Comunicação, Semana do Jornalismo da UFSC, Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário de SC, Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Serviço Público Federal em SC e TV Floripa.

Veja o trailer do documentário na seção Só Vídeos.

Contato: Fernando Evangelista e Juliana kroegerdocdois@hotmail.com

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios