InícioNOTÍCIASChapa 1 vence a eleição da FENAJ em Santa Catarina e nacionalmente

Chapa 1 vence a eleição da FENAJ em Santa Catarina e nacionalmente

eleicaofenaj2013O processo de apuração das eleições da FENAJ (Federação Nacional dos Jornalistas) em Santa Catarina se estendeu até as 22 horas de quinta-feira (18/07). Votaram 178 jornalistas. A chapa 1, “Sou jornalista, Sou FENAJ!” obteve 136 votos e a chapa 2, “Luta, FENAJ”, 37. Foram registrados 3 votos em branco e 2 foram anulados. O resultado nacional oficial só será divulgado após a chegada dos dados de todos os estados. Extraoficialmente computam-se aproximadamente 4 mil votantes e a vitória da chapa 1, presidida por Celso Schröder, por ampla maioria.

Em Santa Catarina, 380 profissionais estavam aptos ao voto e a eleição ocorreu nos dias 17 e 18 de julho. As urnas coletoras foram instaladas nas cidades de Florianópolis, Blumenau, Chapecó, Criciúma, Itajaí, Lages e Joinville. Com os 178 votos contabilizados superou-se o quorum nacional mínimo previsto no Regimento Eleitoral da FENAJ, que é de 30% de participação.

Para a presidente da Comissão Eleitoral Local, Sandra Werle, o processo em Santa Catarina foi tranquilo e com um bom índice de participação da categoria. “Gostaríamos de ter coletado mais votos, mas algumas vezes, quando as urnas volantes foram aos locais de trabalho, o pessoal estava na rua fazendo matéria ou fora de seu turno de trabalho”, registrou, agradecendo a contribuição dos que foram convocados a trabalhar nas mesas coletoras de votos.

foto

Valmor Fritsche, presidente do SJSC, também agradeceu a todos os envolvidos neste processo no estado. “Não é fácil organizar uma eleição com uma categoria tão espalhada em vários municípios e locais de trabalho como a nossa. As companheiras da Comissão Eleitoral, os mesários, fiscais e candidatos, todos se empenharam na construção de um processo democrático, buscando a mais ampla participação possível da categoria”, disse. “E agradeço também o esforço e a dedicação das funcionárias do SJSC e, especialmente, a todos os profissionais que votaram, pois seu gesto fortalece o movimento sindical dos jornalistas”, completou.

O presidente fez, também, um registro à contribuição do Sindicato dos Trabalhadores na Saúde de Chapecó, do Sindicato dos Servidores Municipais de Blumenau, do Sindicato dos Bancários de Florianópolis, com o empenho pessoal do dirigente Denílson Machado, da Associação dos Municípios da Região Serrana (AMURES), do Ielusc (Joinville), da Prefeitura de Tubarão e da Câmara de Vereadores de Criciúma pela guarda das urnas, disponibilização de mesários, utilização de espaços para que a categoria pudesse votar e apoio na infraestrutura de organização da eleição.

APURAÇÃO

Na contagem dos votos, houve discussão com relação à urna volante 2 de Florianópolis, na qual foram coletados 17 votos. Destes, duas cédulas não foram assinadas pelos mesários e constatou-se que em dois casos os eleitores não assinaram a lista de votantes. Os fiscais da chapa 2 pediram a impugnação da urna. A chapa 1 considerou estar claro que não houve má fé e que se deveria valorizar a participação da categoria. A Comissão Eleitoral Local decidiu anular somente as duas cédulas em que não constavam as assinaturas dos mesários e procedeu a apuração dos outros 15 votos.

COMISSÃO NACIONAL DE ÉTICA

Para a Comissão Nacional de Ética os 5 primeiros colocados em SC foram Sérgio Murillo de Andrade (150 votos), Luiz Azevedo (81), Mário Messagi Jr. (76), Beth Costa (68) e Beatriz Barbosa (63).

Nacionalmente a Comissão Eleitoral aguarda as atas oficiais da apuração em diversos estados para proclamar o resultado oficial.

VEJA O RESULTADO APURADO EM SANTA CATARINA:

votacao_total

 

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios