InícioNOTÍCIASJornalismo em Debate desta terça discute o papel da imprensa na abertura...

Jornalismo em Debate desta terça discute o papel da imprensa na abertura dos arquivos da ditadura militar

O “Jornalismo em Debate” da próxima terça-feira, 22 de maio, irá discutir o papel da imprensa na cobertura da formação da Comissão da Verdade nacional, criada para apurar violações aos direitos humanos entre 1946 e 1988, e abertura dos arquivos da ditadura militar. Já estão confirmados para participar do programa o assessor de movimentos sociais Frei Betto, o advogado Prudente Mello e a Deputada Estadual e integrante da comissão em Santa Catarina Ada de Luca. Vários outros especialistas no tema e jornalistas também estão sendo contatados para integrarem o grupo de debatedores. O programa poderá ser acompanhado ao vivo, a partir das 16h, pelo site da Rádio Ponto UFSC em www.radio.ufsc.br. Perguntas e colocações podem ser enviadas, desde já, para o e-mail jornalismoemdebateufsc@gmail.com ou pelo twitter@radioponto.

“Jornalismo em Debate” é uma produção quinzenal de estudantes do curso de Jornalismo da UFSC, sob a orientação da professora Valci Zuculoto. Com mediação do professor Áureo Moraes, a atividade faz parte da Cátedra FENAJ/UFSC de Jornalismo para a Cidadania, uma parceria entre o Curso de Jornalismo da Universidade e a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), com o apoio do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina (SJSC). Desde a estreia, em abril de 2011, foram discutidos temas como jornalismo internacional, corrupção no futebol, crise econômica mundial, coberturas de tragédias, como a do Realengo, de questões do gênero feminino, da homofobia, da função das redes sociais, entre outros assuntos que estão na ordem do dia.

No site da Rádio Ponto (www.radio.ufsc.br) é possível baixar e ouvir todas as edições anteriores de “Jornalismo em Debate”. E não esqueçam: os ouvintes e internautas podem participar, antes e durante o programa, encaminhando perguntas pelo e-mail jornalismoemdebateufsc@gmail.com ou pelo twitter@radioponto.

Sobre os convidados do programa

Frei Betto
Carlos Alberto Libânio Christo, o Frei Betto, é militante dos movimentos pastorais e sociais. Foi assessor especial do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva entre 2003 e 2004 e coordenador de Mobilização Social do programa Fome Zero. Esteve preso por duas vezes sob a ditadura militar: em 1964 por 15 dias e de 1969 à 1973. Sua experiência na prisão está relatada nos livros “Cartas da Prisão”, “Diário de Fernando – nos cárceres da ditadura militar brasileira” e “Batismo de Sangue”, premiado com o Jabuti de 1983.

Ada Lili Faraco de Luca
Formada em Direito pelo Centro Universitário de Brasília com especialização em Políticas Penitenciárias, é deputada estadual de Santa Catarina desde 2007. Já atuou na assessoria jurídica da Câmara Federal por 39 anos e coordenou a campanha das “Diretas Já” ao lado de nomes como Ulysses Guimarães, Waldir Pires e Pedro Simon. Desde maio de 2011 está à frente da Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania.

Prudente José Silveira Mello
Doutor em Direitos Humanos e Desenvolvimento pela Universidad Pablo de Olavid, da Espanha, atua como assessor jurídico de entidades sindicais de trabalhadores desde 1984. Compõe o Instituto de Defesa da Classe Trabalhadora e é conselheiro da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça. Participou da Comissão de Direitos Humanos da OAB/SC de 1997 a 2003. Também é Presidente e professor dos cursos de graduação e pós-graduação em Direito do Cesusc.

Janine Koneski de Abreu
Jornalista formada pela UFSC, foi repórter de política nos jornais O Estado, Diário Catarinense e A Notícia. Atuou na Tv Cultura, Barriga Verde e TVAL, e como “freelancer” para Revista Época e jornal O Estado de São Paulo, entre outros veículos nacionais. Também já trabalhou em assessoria de imprensa no Governo do Estado, na Assembléia Legislativa e Itaú Cultural. É mestre pela UDESC.

Francisco José Castilhos Karam
Jornalista desde 1974, já atuou em revistas, jornais e rádios. É mestre em Ciências da Comunicação pela USP, Doutor em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e Pós-doutor em Comunicação pela Universidade Nacional de Quilmes. Integrou a Comissão Nacional de Ética da Federação Nacional dos Jornalistas e desde 1984 é professor de Jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios