quarta-feira, dezembro 7, 2022
InícioNOTÍCIASAnunciados vencedores do 5° Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental

Anunciados vencedores do 5° Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental

Na manhã desta quarta-feira (12), a Fundação do Meio Ambiente de Santa Catarina (Fatma) premiou jornalistas catarinenses com o 5° Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental. Os vencedores foram os repórteres Gabrielle Vivian Bittelbrun, Alexandre Lenzi e Maurício Frighetto, do Diário Catarinense, na categoria impresso; a jornalista Larissa Thomé Schmidt e equipe (Ronaldo Bruchado e Marcos Schmitt), da RBSTV, com a melhor reportagem em televisão; e Marcelo Santos, da Rádio Catarinense, de Joaçaba, na categoria radiojornalismo. Em cada categoria, o prêmio foi de R$ 5 mil. Os jurados escolheram ainda duas matérias merecedoras de menção honrosa: em impresso, a reportagem de Emanuelle Gomes, do Notícias do Dia, de Florianópolis; e, em radiojornalismo, da jornalista Patrícia Gomes, da rede Acaert.

Como novidade deste ano, o prêmio prestou homenagens também aos veículos. Foram homenageados o Jornal de Santa Catarina, como veículo que mais destina espaço ao tema Meio Ambiente; o jornal Município Dia a Dia pelo projeto Reciclar é Legal, que valoriza a preservação do Meio Ambiente; o jornal Notícias do Dia pelo projeto Caminhos da Natureza, que estimula a preservação ambiental; e a RIC/Record como veículo que mais destina espaço editorial ao tema. Durante a solenidade, também receberam homenagens a Tractebel, patrocinadora das cinco edições do prêmio, e os jurados do evento, Rita Lombardi, da Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina (Adjori SC); Evandro Baron, da assessoria de imprensa da Fatma; Marco Gomes, da Rede Acaert; e Róger Bitencourt, da organização do Prêmio. A entrega foi realizada às 10h, no auditório da Tractebel Energia.

Nesta edição foram inscritos 111 matérias nas três categorias do prêmio, cujo objetivo é reconhecer as contribuições dos jornalistas e de veículos de comunicação na divulgação de assuntos referentes ao meio ambiente. Concorreram profissionais com reportagens publicadas no período de 1º de junho de 2011 a 1º de julho de 2012, sobre assuntos referentes à preservação ambiental ou exemplos de casos que melhoraram o meio ambiente por meio de ações de desenvolvimento sustentável.

O presidente da Tractebel Energia, Manoel Zaroni, aproveitou a ocasião para reafirmar a valorização e o compromisso da companhia com o desenvolvimento sustentável. “A Tractebel procura sempre ir além das suas obrigações com questões ambientais e o Prêmio Fatma é mais um exemplo de ações que apoiamos e dão certo”, afirmou.

Segundo o presidente da Fatma, Murilo Flores, a questão ambiental é um tema essencial. “A premiação daqueles que levam informação à população – os jornalistas -, por relatarem tão bem assuntos de cunho ambiental é a melhor forma de demonstrar a valorização que damos ao assunto”, ressaltou.

O prêmio tem o patrocínio da Tractebel Energia e apoio institucional da Associação Catarinense de Imprensa (ACI), da Associação Catarinense de Rádio e Televisão (Acaert), da Associação dos Diários do Interior (ADI), da Associação dos Jornais do Interior (Adjori), do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Santa Catarina (SJSC) e organização da Fábrica de Comunicação.

FINALISTAS 2012 POR REGIONAIS DA FATMA

CATEGORIA JORNAL IMPRESSO:

BLUMENAU
Ânderson Silva, Patrick Rodrigues, Barbara Carvalho e Aline Fialho (Jornal de Santa Catarina) – “Destino incerto”

CHAPECÓ
Lucimara Cardozo e Luan Vosnhak (Jornal Diário do Iguaçu) – “Usinas: oeste de energia e impacto”

FLORIANÓPOLIS
Gabrielle Vivian Bittelbrun; Alexandre Lenzi e Maurício Frighetto (Jornal Diário Catarinense) – “Serra do Tabuleiro: para conhecer e preservar” – vencedor
Emanuelle Gomes (Jornal Notícias do Dia) – “Lixo Eletrônico – perigoso e insustentável” – menção honrosa

JOAÇABA
Analu Slongo (O Jornal – Concórdia) – “Educar é o primeiro passo”

JOINVILLE
Rogério Kreidlow (Jornal A Notícia) – “A sujeira que dá lucro”

TUBARÃO
Gislane Cascaes e Wilson Boeing (Jornal O Regional Sul (Armazém) – “Reciclagem muda história de catador”

LAGES
Thomas Michel Antunes (Jornal Correio Lageano) – “Conservar uma região maior que Lages”

CATEGORIA TELEJORNALISMO:

CHAPECÓ
Emanuel José Vicenzi (EPAGRI-TV, Canal Terra Viva – Ouro Verde) – “Biodecompositores: lixo orgânico transformado em fertilizante natural”

FLORIANÓPOLIS
Larissa Schmidt/equipe: Ronaldo Bruchado e Marcos Schmitt (RBS-TV) – “Destinos do Lixo / Estúdio SC” – vencedora
Marta Hernandes Gomes/equipe: Rildo Medeiros, Regiane Salla e Gentil Jr. (RIC-SC) – “Lixo eletrônico: assunto global, uma questão familiar” – vencedora

ITAJAÍ
Almeri Cezino (TV Univali/ Canal Futura) – “Resíduos de Peixe”

JOINVILLE
Suelen Farias e Equipe (RIC-SC) – “Troca de lixo por brinquedo”

LAGES
Taina de Brito Borges e Alessandro Carrer (TV do Legislativo Municipal) – “O exemplo socioambiental de Vacaria”

MAFRA
Isabela de Fátima Schwengber (EPAGRI-TV, Canal Terra Viva – São Bento do Sul) – “Pagamento por serviços ambientais”

RIO DO SUL
Walfrid Neto e Alex Cole (imagens) (RIC-TV Record) – “Lixo Eletrônico”

TUBARÃO
Manuela Prá Sousa (Unisul TV) – “Projeto transforma óleo de cozinha usado em biodiesel”

CATEGORIA RADIOJORNALISMO:

JOAÇABA
Marcelo Santos (Rádio Catarinense AM-FM) – “De “Óleo” no Futuro” – vencedor

FLORIANÓPOLIS
Patrícia Gomes (Rede ACAERT) – “Reciclagem de lixo eletrônico” – menção honrosa

=======================

Por Mariana Blessmann, da Fábrica de Comunicação
Foto de Plínio Bordin

Para ver a foto ampliada acesse o link

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Daniel A. Santos on Legislação dos jornalistas
Antônio Carlos Costa on As multidões e os protestos
FERNANDO MARGHETTI NUNES on Dez desejos para o jornalismo em 2016
leonelcamasao on Legislação dos jornalistas
Maria Tercilia Bastos on Nota de pesar
valmor on Convênios
Vilma Gomes Pinho on Convênios