Inicial / FORMAÇÃO / Sindicato dos Jornalistas realiza debate sobre comunicação digital na Satc

Sindicato dos Jornalistas realiza debate sobre comunicação digital na Satc

O Sindicato dos Jornalistas e o curso de Jornalismo da Faculdade Satc trouxeram para Criciúma o professor Samuel Lima, doutor em Mídia e Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina e professor da Universidade de Brasília, para ministrar a palestra “Informação jornalística e comunicação digital: realidade e perspectivas”.

O encontro reuniu professores, profissionais do mercado e acadêmicos no auditório 2 da Satc, na noite de quinta-feira (29/10)).

Lima foi um dos coordenadores da pesquisa Perfil do Jornalista Brasileiro; é pesquisador do Laboratório de Sociologia do Trabalho, do Programa de Pós-graduação em Sociologia Política da UFSC e do Grupo de Pesquisa ObjETHOS, da pós-graduação em Jornalismo, também na UFSC.

Desafios da profissão nos novos tempos

Para Samuel Lima, o jornalismo não está em crise, mas sim o modelo de negócio atual, em especial nos meios impressos. “As pessoas não compram jornais com 24 horas de atraso para ver fatos que já foram veiculados na TV e estão no celular”, disse. Os modelos de comunicação tradicionais, segundo ele, perderam leitores devido ao imediatismo das mídias sociais.

“Deve ocorrer convergência entre os meios. Existem projetos em fase de experiência, como o NY Times, que publica reportagens nas páginas do Facebook diretamente. Isso é reportagem instantânea e classificada como jornalismo e o futuro”, avaliou o professor.

Cerca de 50 pessoas participaram do debate, que contou ainda com a participação do diretor do SJSC Leonel Camasão e do delegado sindical em Criciúma, Gilvan França.

“É papel do sindicato estimular este tipo de debate com os estudantes e com os jornalistas nas mais diferentes regiões do estado. Foi o que buscamos fazer nessa parceria com a Satc”, afirmou Camasão.

Com informações da Satc

Tente também

O monopólio de mídia e a corrupção da opinião pública

Samuel Lima Professor de Jornalismo e da Pós-Graduação em Jornalismo (Posjor) da UFSC e pesquisador …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: