0,00 BRL

Nenhum produto no carrinho.

Patrões desmarcam negociação com jornalistas

Os representantes das empresas de jornais e revistas de Santa Catarina desmarcaram a negociação prevista para esta terça-feira (21/06) com o Sindicato dos Jornalistas. Os patrões propõem o arrocho salarial para os jornalistas, com um reajuste abaixo da inflação. O presidente do Sindejor/SC, Ronaldo Roratto, informou que os negociadores patronais decidiram manter a proposta apresentada no dia 7 de junho, e por isso, desmarcou o encontro.Entre maio de 2015 e abril de 2016, a inflação medida pelo INPC foi de 9,83%. Mas os representantes patronais só se propõem a reajustar o salário dos jornalistas em 4,91%.

“Ao final da negociação anterior, ficou a expectativa de se avançar no diálogo. Pontuamos que era inaceitável uma proposta econômica que não contemplasse as perdas da inflação mais aumento real, mas a manutenção da contraproposta inicial expressa uma indisposição de negociar”, avalia o presidente do SJSC, Aderbal Filho.

Mobilização

A Comissão de Negociação do Sindicato dos Jornalistas se reuniu nesta terça-feira para debater o que fazer a partir da indisposição patronal em negociar. Além de medidas jurídicas, o grupo definiu um plano de mobilização, a ser desenvolvido a partir da próxima semana. “A proposta patronal teleguiada de arrocho está presente nas negociações dos jornalistas em todo o Brasil”, observa o presidente do SJSC. “Vamos denunciar a intransigência patronal e lutar pela valorização do trabalho dos jornalistas”, completa.

 

Matérias semelhantes

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais lidas

%d blogueiros gostam disto: