Inicial / SOCIEDADE / Milhares protestam contra PEC, Temer e Anistia a Caixa 2

Milhares protestam contra PEC, Temer e Anistia a Caixa 2

A Avenida Paulista recebeu, neste domingo, um protesto contra a PEC do teto de gastos, a anistia para o caixa 2 e o Governo Temer. Organizado pela Frente Povo Sem Medo, a manifestação reuniu cerca de 40 mil pessoas. Marcado para às 15 horas, o ato permaneceu na Paulista até pouco depois das 17 horas, depois seguiu até a Consolação e encerraram o ato na Praça Roosevelt. O cantor Chico César fez um show ao vivo.

Guilherme Boulos, líder do MTST, disse que a PEC é um atentado ao povo brasileiro. Segundo Boulos, as declarações de Temer sobre a intenção de barrar a anistia ao caixa 2 são uma total hipocrisia. “O Congresso está de costas para o povo brasileiro e legislando em causa própria. A maioria ali não tem moral para decidir os rumos deste país e nós queremos deixar isso registrado. Não dá mais para o senhor Michel Temer continuar no comando do Brasil, sentado naquela cadeira lá do Planalto! Temer vai embora, renuncie, sai fora”, afirmou Boulos do carro de som.

Edson Carneiro Índio, Secretário-Geral da Intersindical, reforçou a importância da unidade na luta diante do atual contexto político e a atuação das Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular na resistência. “Temer quer destruir os investimentos na saúde, na educação pública, na moradia popular e no serviço público. Quer acabar com os direitos trabalhistas através da reforma e da terceirização irrestrita, quer acabar com direito à aposentadoria de mulheres e homens que construíram esse país. Precisamos encontrar o caminho da unidade ampla para o povo brasileiro se libertar do golpe. Vamos impedir a PEC do Fim do Mundo. Essa pinguela do Temer vai cair com a força da luta social”, disse Índio.

Houve ainda um minuto de silêncio em homenagem a Fidel Castro, que morreu na sexta-feira (25) aos 90 anos.

Impeachment

Participaram do ato o senador Lindberg Farias (PT-RJ), o ex-senador e vereador eleito por São Paulo Eduardo Suplicy (PT) e os deputados federais Luiza Erundina e Ivan Valente, do PSOL. Erundina e Valente anunciaram ainda a intenção de apresentar o pedido de impeachment do presidente Temer.

Com informações do El País e Intersindical

Tente também

Reforma trabalhista é aprovada às vésperas de greve geral

Os deputados desta legislatura mostraram mais uma vez que atendem aos interesses do grande empresariado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: